ASSOCIADOS
Qual a dificuldade de acesso com o Sindicato?
Contato por tel jurídico
Atendimento presencial
Utilização Sede campestre
Contato Homologação
Dentista
Secretária
Ver Resultados

      AGENDE AQUI 

   

  

         (22) 98169-0595

     

 

  

 


TABELA DE PISOS DOS GRUPOS DE PINTURA E MONTAGEM INDUSTRIAL 

GRUPO I

 SALÁRIO

Ajudante....................................................

R$ 1.277,14

Servente....................................................  

R$ 1.277,14

GRUPO II

 

½ Oficial.......................................................

R$ 1.411,50

Aux. Serv. Gerais (ASG, Hom.de Área).....

R$ 1.411,50

GRUPO III

 

Jatista D’água...............................................

R$ 1.586,80

Eletricista Montador.....................................

R$ 1.586,80

Maçariqueiro...............................................

R$ 1.586,80

Soldador Chaparia.......................................

R$ 1.586,80

Mecânico de Manutenção...........................

R$ 1.586,80

Eletricista Montador Abraman....................

R$ 1.705,88

Eletricista Montador Escalador...................

R$ 1.745,50

Mecânico de Manut. Escalador...................

R$ 1.745,50

Soldador Chaparia Escalador ....................

R$ 1.745,50

GRUPO IV

 

Montador de Estrutura.................................

R$ 1.751,51

Almoxarife...................................................

R$ 1.751,51

Mecânico.....................................................

R$ 1.751,51

Mecânico Abraman ...................................

R$ 1.882,87

Pintor Industrial Qualificado......................

R$ 1.914,37

Montador de Andaime.................................

R$ 1.914,37

Montador de Estrutura Escalador..............

R$ 1.926,66

Pintor Industrial Escalador .......................

R$ 2.105,79

GRUPO V

 

Encanador...................................................

R$ 1.842,69

Guindasteiro..............................................    

R$ 1.842,69

Instrumentista Tubista................................

R$ 1.842,69

Eletricista Força e Controle.......................

R$ 1.842,69

Soldador 6g (Enchimento/Acabamento)...

R$ 1.842,69

Pintor de Zinco Qualificado.......................  

R$ 1.914,37

Eletricista Força e Controle Abraman.......

R$ 1.980,81

Encanador Abraman ..................................

R$ 1.980,81

Caldeireiro...................................................

R$ 2.014,02

Encanador Escalador.................................

R$ 2.026,96

Caldeireiro Abraman  .................................

R$ 2.165,35

Caldeireiro Escalador  ...............................

R$ 2.215,44

Caldeireiro Abraman  Escalador ...............

R$ 2.381,87

GRUPO VI

 

Hidrojatista..................................................

R$ 2.088,45

Pintor Qualificado/Jatista..........................

R$ 2.088,45

Soldador 6g Tig (Raiz/Enchim.Acabament

R$ 2.088,45

Pintor Jatista Escalador .............................

R$ 2.297,30

GRUPO VII

 

Auxiliar Técnico...........................................

R$ 2.497,89

Soldador Tig/ER/Raiz..................................

R$ 2.730,14

Soldador Tig/ER/Raiz Escalador ...............

R$ 3.003,15

GRUPO VIII

 

Mestre em Geral...........................................

R$ 2.784,51

Encarregado não Qualificado....................

R$ 2.784,51

 GRUPO IX             

 

Encarregado Qualif em Geral.....................

R$ 3.153,02

Técnico de Instrumentação .......................

R$ 3.153,02

Técnico de Refrigeração ............................

R$ 3.153,02

Técnico de Segurança de Trabalho............

R$ 3.153,02

Técnico de Material.....................................

R$ 3.153,02

Técnico de Mecânica ..................................

R$ 3.153,02

Técnico em Geral.........................................

R$ 3.153,02

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Atendimento médico em horário de trabalho

Atendimento médico em horário de trabalho:

quais os direitos do trabalhador?

 

As consultas médicas podem ser necessárias para verificações de rotina, exames, em caso de doenças ou até para acompanhamento de dependente. O correto é que essas consultas sejam sempre marcadas fora do horário de expediente. Por algum motivo o trabalhador só conseguir atendimento médico em horário de trabalho, alguns cuidados devem ser tomados para evitar prejuízos no salário e nas férias. 


Declaração de comparecimento à consulta

Caso o empregado precise de atendimento médico em horário de trabalho, mas não esteja incapacitado para o trabalho, o mesmo deverá apresentar uma declaração de comparecimento à consulta. Com isso, as horas de ausência ou eventual falta serão consideradas justificadas. Dependendo da empresa, caso ela queira,a mesma poderá fazer o desconto salarial ou exigir que o empregado compense essas horas.

A apresentação da declaração é importante porque, dependendo de sua frequência, as faltas injustificadas podem caracterizar disposição para evitar qualquer esforço físico ou moral. Nesses casos, o trabalhador poderá sofrer punição como advertência, suspensão e, em casos extremos, demissão por justa causa. 

É importante lembrar que a declaração de comparecimento só justifica a ausência pelas horas necessárias para deslocamento e consulta. Faltar por mais tempo do que o necessário, mesmo com a apresentação do atestado, é considerado falta injustificada.


Declaração de acompanhamento à consulta

Não existe previsão legal de abono de faltas em caso de acompanhamento de dependentes em consulta médica ou internamento. Mas, ainda assim, é essencial obter uma declaração, que servirá para justificar o tempo ausente e evitar eventuais punições por negligência.

Apesar de ser controversa a necessidade de abono de faltas para acompanhamento de consulta dos filhos menores, com base nos direitos da criança e do adolescente, a norma geral é a não obrigatoriedade de abono da falta pelo empregador.

Caso o empregado sofra um mal súbito durante o expediente e necessite de atendimento médico, as horas de ausência deverão ser abonadas, sem necessidade de compensação ou desconto salarial. Afinal, trata-se de um caso de urgência, onde não há a impossibilidade de aguardar para marcar um horário fora da jornada de trabalho.


Atestado por doença

Se o empregado comparece à consulta médica em horário de trabalho por já estar com algum problema de saúde, estando incapacitado para o serviço, a apresentação do atestado médico de doença serve para abonar a falta.

O atestado deve ser feito em papel timbrado, com nome completo do trabalhador, data e hora do atendimento, explicando a necessidade da ausência e o período de afastamento.

Também deve constar o nome do profissional de saúde, com assinatura e número de registro no conselho de classe. Algumas empresas exigem a apresentação da Classificação Internacional de Doenças (CID), mas isso não é obrigatório.


Na convenção do sindicato diz:

 

Os atestados médicos e odontológicos fornecidos por profissionais habilitados poderão ser aceitos como justificativa de ausência no trabalho, desde que a empresa seja comunicada até 48 horas após o seu fornecimento, e neste deverá constar o CID para os casos de afastamento igual ou superior a 15 (quinze) dias.

 Parágrafo Primeiro. - O referido atestado será avaliado por profissional habilitado da empresa e, em caso de recusa formalmente justificada, devolvido ao trabalhador.

 Parágrafo Segundo. - Os atestados médicos de trabalhadores que não residem na região de Macaé, RJ, poderão ser aceitos pela empresa após o término do afastamento, até o primeiro dia útil ao vencimento, quando acompanhados de exames laboratoriais e receituário, desde que atendido o caput e parágrafo 1º.


As empresas se comprometem a divulgar os atendimentos médicos e sociais prestados pelo SESI e SINTPICC, encaminhando o trabalhador nos casos de necessidades de atendimento, para essas instituições.

As empresas se comprometem a fornecer guia e demais documentos necessários de afastamento para fins previdenciários nos seguintes prazos:

 a)      Para obtenção auxílio-doença: 5 (cinco) dias úteis.

b)      Para obtenção de aposentadoria: 10 (dez) dias úteis.

c)      Para obtenção de aposentadoria especial: 15 (quinze) dias úteis.

 Parágrafo Único. - Deverá o empregado apresentar documentos, inclusive cópia de recurso administrativo, caso tenha havido, do início e término de benefício referente ao auxílio doença.